Quer trabalhar com Mobile na Concrete Solutions?

Olá pessoal da Internet!

Como alguns de vocês já devem saber (ou ter percebido), atualmente estou trabalhando na Concrete Solutions, em São Paulo. Ela é uma empresa de produtos digitais muito bacana, com grande expertise em mobile / web, com práticas ágeis e muitas outras coisas legais.

E se você, meu leitor de cada dia que frequenta o meu blog mesmo sem muito conteúdo novo (desculpem…), já pensou em trabalhar lá também? Atualmente a Concrete está com muitas vagas abertas, em diferentes áreas, e para diferentes níveis!

Nossa, Rafael!!!! Mas como eu faço pra me candidatar a uma vaga nessa empresa ultra-mega-boga-bacana?????

Calma meu amigo leitor!!! Parece difícil, mas não é! Primeiramente, você vai bolar um currículo (pode ser basicão mesmo), colocando sua formação e experiências. Nada muito complexo não. Depois disso, você pode entrar lá na seção de Vagas do site da Concrete (ou pode me enviar um e-mail maroto – tem lá na página Sobre). Após isso, você vai mostrar seus conhecimentos ultra-mega-boga-incríveis através do Desafio Concrete! Apesar do nome intimidador, é simplesmente um projeto bem tranquilo que exige alguns conhecimentos básicos. É mais pra gente saber do que você é capaz, para depois batermos um papo 🙂

Os desafios que temos atualmente para mobile são Android, iOS e Windows Phone. Temos também vagas para o time web, para Java, .NET, Frontend, além de outras! Só dar uma olhada lá no link de vagas do site da Concrete. Ah é, e tem vagas pra você que é do Rio de Janeiro também!

Então corre lá e manda ver! Quem sabe a gente ainda não trabalha juntos qualquer dia desses?

Exportando Assets de um PSD para Apps (para não-designers como eu)

E aí pessoal, beleza?

Bom, hoje fugindo um pouco de programação, vamos para um assunto de muitíssima utilidade: você pegou aquele PSD maneiro com o design do seu app, mas o designer esqueceu ou não pode te gerar os assets no momento… e agora José? Foi esse o meu caso recentemente e, como um ser rústico em se tratando de arte gráfica digital, cuja maior proeza é redimensionar uma imagem usando o Paint (sim, todas as imagens do blog são editadas no PAINT!), bate aquele desespero.

Bom, no meu caso, precisei pesquisar um bocado e, no final, até que o Photoshop faz algumas mágicas pra gente. Aqui estou usando a versão CC 14.2 do Photoshop… se não me engano, essa funcionalidade que vou mostrar apareceu na versão 14.1 (não faço ideia de como funciona em outras versões… se um designer leitor souber, fique a vontade pra entrar em contato que atualizamos o post :)).

Tendo em mãos o seu PSD, você vai abrir e, antes de mexer qualquer coisa, vai em Arquivo -> Gerar -> Recursos de imagem e certifique-se que a opção está marcada!

Captura de tela 2014-08-06 20.18.47

Feito isso, é só alegria. Agora, você pode ir até as suas camadas (ou layers) e renomeá-las, por exemplo, para imagem.png ou imagem.jpg. Existem uns padrões aí nessa nomenclatura para gerar assets de diferentes tamanhos automaticamente (por exemplo retina e normal, no caso do iOS). Um post mais detalhado sobre o assunto pode ser encontrado aqui.

Uma dica que eu, totalmente leigo não sabia, era como mesclar duas camadas pra exportá-las numa mesma imagem. É só segurar o Ctrl para selecionar as camadas que você deseja agrupar, clicar com o botão direito e selecionar a opção Grupo a partir de camadas. Depois, é só dar o nome do recurso a esse grupo que ele criou.

Complementando aqui a dica, recentemente eu descobri um conversor de resources de iOS para Android. Não sei vocês, mas a maioria dos designers que já trabalhei estão acostumados a gerar os resources para iOS, com a nomenclatura @2x para imagens retina e uma outra versão da imagem (por exemplo menu@2x.png menu.png). Para simplificar o nosso trabalho e o trabalho dos designers, achei no Github um projeto chamado ios2android, que nada mais é um script que, usando o ImageMagick, converte esses recursos para Android, redimensionando-os na proporção correta e criando as pastas drawable-hdpidrawable-mdpidrawable-ldpi, etc. Se tiver a versão pra iPad da imagem, ele converte pras dimensões de tablets Android também. Uma maravilha. O link do projeto é este.

As minhas impressões sobre esse script: como ele usa shell script, no Windows você precisa instalar o Cygwin (lembrando de adicionar o pacote do ImageMagick). No Mac, via Homebrew (conforme especificado na própria descrição do repositório), é bem simples (ele foi pensado pra rodar no Mac mesmo). Já no Linux, que tecnicamente seria de boa também, tive o problema de que as imagens ficaram com metade do tamanho que deveriam ficar. Eu não manjo quase nada de shell script… caso alguém saiba e consiga investigar o motivo disso acontecer no nosso amigo Linux, faça um pull request lá no projeto e contribua com o Open Source! 🙂

Bom pessoal, é isso! Fica a dica! 😀

Tutorial iOS #1 – Primeiros Passos

Olá pessoal! Voltando a movimentar aqui o blog, vamos hoje começar a dar uma olhada no desenvolvimento para o famoso sistema operacional móvel da Apple, o iOS. Hoje, o iOS roda em todos os modelos do iPhone, iPad e iPod Touch.

O desenvolvimento pra essas plataformas é feito utilizando-se a linguagem Objective C, uma mistura de C e Smalltalk criada na década de 80 e posteriormente adotada pela Apple, em conjunto com suas APIs CocoaCocoa Touch. Confesso que, a princípio, sua sintaxe assusta um pouco, principalmente para alguém que, como eu, já tem raízes baseadas em C/C++ e Java. Vamos para um breve exemplo.

Continuar lendo